Potencia sonora

Potência sonora

A percepção do ruído nunca foi tão alta. E os níveis de ruído são frequentemente de importância crítica aos compradores de ferramentas, acessórios, maquinários e outros equipamentos.

Os níveis de ruído do produto são cada vez mais importantes aos compradores de ferramentas, acessórios, maquinários e outros equipamentos. Os compradores procuram assegurar uma exposição mais baixa ao ruído, tanto aos usuários quanto às pessoas presentes no local. Para incentivar um menor ruído dos produtos, regulamentações tais como a Diretriz da EU 2010/30/EU exigem que os produtos claramente exibam os seus níveis de potência sonora. Isso oferece informações acessíveis, que facilitam a escolha do consumidor e promovem a concorrência para se alcançar níveis sonoros mais baixos.

Níveis indiscutíveis de ruído

Para que as etiquetas de ruído dos produtos sejam eficazes, elas devem se basear em medições justas e comparáveis. A potência sonora representa a energia acústica absoluta de um produto, independentemente do ambiente acústico. Para que os métodos de teste se mantenham idênticos, as normas determinam os métodos exatos que devem ser utilizados para medir o ruído emitido por qualquer tipo de equipamento, desde equipamentos eletrodomésticos até máquinas de construção. As soluções da Brüel & Kjær foram concebidas para atender a uma ampla variedade de normas europeias e internacionais relevantes, bem como para orientar os usuários em cada uma delas.

Medições da potência sonora

É possível calcular a potência sonora de acordo com vários tipos diferentes de medição, dependendo da finalidade de seu teste. Os métodos que empregam a intensidade sonora são usados para medições 'in situ' e na engenharia de produtos, o que os torna ideais para objetos fixos, tais como exaustores. As medições da potência sonora baseadas em salas de reverberação e em campo livre são mais frequentemente usadas por auditorias de produção e em testes com um alto volume de produtos, tais como aparelhos eletrodomésticos. A Brüel & Kjær encontra-se intensamente envolvida na criação e na manutenção de normas de medição. Algumas normas importantes são a IEC 60704-2-4 para máquinas de lavar roupas e a ISO 6393, ISO 6394, ISO 6395 e ISO 6396 para máquinas de uso externo.

Para medir a potência sonora, a fonte de ruído tradicionalmente tinha que ser colocada em salas especialmente construídas, tais como câmaras anecóicas ou reverberantes. A intensidade sonora, no entanto, pode ser medida em uma fonte em qualquer campo sonoro, permitindo a determinação direta da potência sonora. E devido ao fato do ruído de fundo contínuo não contribuir para a potência sonora determinada ao medir a intensidade em uma superfície fechada, é possível realizar medições em máquinas ou componentes individuais, mesmo quando todos os outros equipamentos irradiam ruído. Devido ao fato da intensidade sonora dar uma medida da direção e também da magnitude, ela também é bastante útil ao localizar as fontes sonoras. Por isso, os padrões de irradiação de máquinas de vibração complexas podem ser estudados in situ.

Sugestão de sistema

Sound intensity based sound power system overview

O software PULSE Sound Power com Utilização da Intensidade Sonora Tipo 7882 permite que a potência sonora seja determinada, armazenada e comunicada de acordo com a norma ISO 9614 Partes 1, 2 e 3, utilizando modelos exclusivos. O hardware requerido é o mesmo para todas as três normas. Para atender os requisitos da norma escolhida, um modelo PULSE exclusivo lhe guia por todas as etapas necessárias, através de uma lista de tarefas. A lista de tarefas reflete as similaridades entre as normas, proporcionando uma interface de usuário intuitiva.

Um sistema portátil para análise da intensidade sonora, composto pelo Analisador Portátil Tipo 2270 com 2 canais (com medidor do nível de pressão sonora), pelo Software de Intensidade Sonora BZ-7233 e por um Kit de Sonda de Intensidade Sonora Tipo 3654 também encontra-se disponível. 

 

Para determinar as emissões de ruído dos produtos, a quantidade preferida a ser investigada é a potência sonora, porque ela mede a potência absoluta de uma fonte de ruído independentemente de seu ambiente acústico. Um dos principais métodos usados para isso é a potência sonora baseada em sala de reverberação, na qual coloca-se a fonte em uma sala de reverberação (campo sonoro difuso) e determina-se a sua potência sonora a partir de medições da pressão sonora.

As salas de reverberação de laboratório, conforme descritas na ISO 3741, são particularmente adequadas ao realizar testes de precisão em máquinas relativamente pequenas, nas quais o som emitido possui uma natureza predominantemente contínua. As salas de reverberação especiais, construídas para atender os requisitos da ISO 3743-2 são, por outro lado, menos caras e, devido ao fato de seus métodos fornecerem resultados de engenharia, são particularmente adequadas para a realização de medições diretas dos níveis de potência sonora com ponderação A de uma série de pequenas fontes de ruído. As salas de teste com paredes resistentes de gesso, conforme descritas na norma ISO 3743-1, são usadas para medições de engenharia; as salas mais comuns e sem móveis ou tratamento acústico especial cumprem estes requisitos.

Sugestão de sistema

Sound pressure - reverberation room based sound power system overview

Desenvolvido na poderosa plataforma PULSE, o software PULSE Sound Power para Salas de Reverberação Tipo 7884 oferece procedimentos de medição e calibração com base nas normas ISO 3741, ISO 3743-1 e ISO 3743-2 para a determinação da potência sonora em fontes de ruído que funcionam em ambientes de teste reverberantes. Um exclusivo modelo PULSE permite a determinação, armazenamento e a criação de relatórios de quantidades de emissão de ruído, de acordo com várias normas. Outros componentes para a solução incluem um hardware de aquisição de dados LAN XI, um conjunto de microfones ou um único microfone giratório.

As quantidades de emissão de ruído oriundas de máquinas e equipamentos estão cada vez mais se tornando o foco de regulamentações nacionais e internacionais, com a finalidade de proporcionar um local de trabalho mais seguro e saudável, bem como de proteger o meio ambiente. Por exemplo, todos os aparelhos eletrodomésticos vendidos na EU, desde aspiradores de pó até refrigeradores, devem possuir uma etiqueta de energia que inclua informações sobre a potência sonora. No caso de máquinas de lavar roupas, por exemplo, isto deve incluir tanto os ciclos de lavagem quanto de centrifugação.

As declarações de ruído servem para ajudar os consumidores a compararem as emissões de ruído das máquinas existentes no mercado e a escolherem, assim, máquinas relativamente silenciosas. Simultaneamente, qualquer empresa que fabrique produtos certificados que atendam aos requisitos de emissão de ruído da UE tem a oportunidade de entrar em um mercado maior, com menos barreiras de importação.

Um dos três principais métodos para determinar a emissão de ruído dos produtos é através da potência sonora baseada em campo livre, no qual a fonte é colocada em uma área acusticamente aberta (campo livre) e a sua potência sonora determinada a partir das medições da pressão sonora.

Sugestão de sistema

Sound pressure - free-field based sound power system overview

Um sistema completo lhe permite determinar a potência sonora em ambientes de campo livre, de acordo com as normas ISO e ECMA relevantes, bem como as Diretrizes da EU. Ele simplifica o procedimento de medição exigido pela UE até a fase de relatório final, de acordo com a Diretriz da UE 2009/125/EC. O sistema é operado em uma plataforma PULSE com hardware de aquisição de dados LAN-XI e software de potência sonora. A solução é completada por microfones, sonda de tacômetro, fonte sonora de referência para determinar a correção ambiental e por acessórios, tais como cabos.

Identificação de fonte de som e energia (vídeo)  

Preencha o formulário e nós entraremos em contato com você o mais breve possível. Se você precisar de suporte técnico, por favor use o formulário de solicitação de suporte dedicado.
Use this property to display a short description or any instructions, notes, or guidelines that the visitor should read when filling out the form. This will appear directly below the content of the form.